Arquivo para Meditação

Yogananda – “Cura” – via: Caminho do Meio

Posted in bemZen, Budismo, Pense nisso with tags , , on janeiro 8, 2010 by pattindica

Doenças físicas ou mentais renitentes têm sempre uma raiz profunda no subconsciente. A doença poderá ser curada arrancando-se essas raízes escondidas. É por isso que todas as afirmações da mente consciente devem ser suficientemente impressivas para permear o subconsciente, o qual, de volta, automaticamente influencia a mente consciente.
Fortes afirmações conscientes então reagem sobre a mente e o corpo através da mediação do subconsciente. Afirmações ainda mais fortes alcançam não somente o subconsciente, mas também a mente superconsciente – o depósito mágico dos poderes miraculosos.

Yogananda em “Afirmações Científicas de Cura”

viaqui: http://caminhodomeio.wordpress.com/2010/01/04/cura/

Mantra para remover obstáculos – Om Gam Ganapataye Namaha

Posted in Budismo, faz bem Ler, Mantras, Pense nisso with tags , , on agosto 1, 2009 by pattindica

Om Gam Ganapataye Namaha

Ganexa - WikipédiaEste mantra é um dos mais conhecidos no hinduismo e fácil de pronunciar. É uma invocação a Ganapati (outro nome de Ganesha) e serve para remover os obstáculos, tanto materiais como espirituais. Este mantra atua muito rápido, vale a pena experimentar. Aqui vai um texto copiado de um livro para você ver um exemplo deste mantra em ação que encontrei
aqui nesse blog chamado Caminho do Meio

Ouça o Mantra no videozinho abaixo:

VídeoMantras – “Revolução Humana”(Nam Mioho Renge Kyo)

Posted in Budismo, faz bem Ler, Pense nisso with tags , , , on junho 22, 2009 by pattindica

Super Vovó arrasa na Yoga aos 83 anos! :)

Posted in Essa é boa, Yoga with tags , , , on abril 24, 2009 by pattindica

envelhecer assim é uma bençánn! hehe

Supervovo

Supervovo2

24_04_2009_12_45_30

supervovo4

via: DailyMail

OM TARE TUTTARE SOHA – Poderoso Mantra a Deusa Tara (Green Tara)

Posted in bemZen, Meditação, Vídeos with tags , on fevereiro 6, 2009 by pattindica

RECITAÇÃO DO MANTRA:

OM TARE TUTTARE TURE SOHA

ORAÇÃO DOS BENEFÍCIOS DESTA PRÁTICA:

Para a sábia pessoa que recitar estas estrofes quando acorda de madrugada ou à noite com grande devoção à deidade, relembrando-se de suas preces, Jetsun Tara lhe garante a total ausência de medo, ela pacifica todas as                    suas ações corruptas, e destrói todos os destinos inferiores: setenta milhões de bhagaváts vão iniciá-la para que então atinja a budeidade. Se acontecer de ter comido ou bebido um veneno mortal, animal ou vegetal, pela lembrança dessas estrofes isto será plenamente nulificado; a pessoa estará a salvo de todos os espíritos de sofrimento, döns, ou venenos, ou doenças; e praticando para si, ou praticando para outrem também. Praticando estas estrofes claramente, duas, três, sete vezes, se desejar filhos os terá, se desejar riqueza a conseguirá,            obtendo tudo que ela desejar, nenhum obstáculo haverá para prejudicá-la.

Essa trecho mostra muito resumidamente os poderes de Tara, mas quem quiser saber muito mais a respeito, é só clicar aqui 🙂

Hoje eu sei – por Monja Coen

Posted in faz bem Ler, Uncategorized with tags , , on agosto 30, 2008 by pattindica

Hoje eu sei que a compaixão é capaz de transformar o mundo e transformar o ser.
Hoje eu sei que a compaixão pode ser desenvolvida, cultivada; que as áreas do cérebro responsáveis pela compaixão podem ser estimuladas.
Hoje eu sei que é possível “musculação de neurônios” através da meditação e do pensamento amoroso, terno, inclusivo, compreensivo e sábio.
Hoje eu sei que Buda se manifesta em cada ser que se entrega à bondade e ao Caminho do Bem, que é o Caminho Iluminado.
Hoje eu sei que a Verdade é o Caminho. A Verdade com “V” maiúsculo, onde tudo está incluso – até mesmo as mentiras.
Hoje eu sei que não sei, que não há nem mesmo um “eu” que sabe e não sabe.
Hoje eu sei que intersomos, interconectados com tudo que existe. Somos um só corpo e uma só vida. Estamos em rede. Na rede de Indra, feita de raios luminosos e em cada intersecção uma jóia recebendo e emitindo raios em todas as direções.
Hoje eu sei que somos co responsáveis pela realidade em que vivemos, pelo mundo em que estamos e que não adianta reclamar, é preciso agir para transformar.
Hoje eu sei que a juventude passa, os amores passam, a velhice passa, os desamores passam. Tudo é transitório e passageiro. O que se une inevitavelmente se separa. E assim é.
Hoje eu sei que a pessoa mais forte é aquela que se rende primeiro – assim como o bambu – flexível.
Hoje eu sei que a água é capaz de se moldar ao recipiente que a contém e que o gelo é duro e pode ferir. Então faço dos ensinamentos sagrados o sol que derrete o gelo e nos liberta de nossa própria frieza.
Hoje eu sei que é preciso sentir que a indignação é uma alavanca para as grandes transformações e que as grandes transformações são feitas de pequenos gestos simples no dia a dia.
Hoje eu sei que palavras amorosas e ternas afetam as moléculas de água e que somos mais de 75% água. Então, eu cuido do que falo, do que penso e como ajo.
Hoje eu sei que a mudança depende de mim, de cada um de nós. E que só há um caminho: ação amorosa e não violenta para resolver conflitos e atritos.
Hoje eu sei que a vida vale a pena ser vivida em sua plenitude deste instante eterno.
E tudo que temos é este instante. Aqui e agora.
Mãos em prece

Monja Coen

via: e-YOga